Notícias e Novidades

11 de Setembro de 2014

Pais precisam prestar atenção aos sinais de perda auditiva nas crianças

Nem sempre é fácil identificar problemas de saúde em crianças, mas é importante que os pais prestem atenção em alguns sinais. Se os filhos escutam a televisão no volume alto, estão com dificuldade de aprendizado, falam muito alto ou não respondem ao serem chamados, por exemplo, isso pode ser um indício de perda de audição, como explica a pediatra Ana Escobar. “No caso dos bebês menores, a dica é observar se há demora na fala - o ideal é que eles comecem a falar por volta dos 2 anos e, se isso não acontecer, é bom investigar se há algo errado com o ouvido”, comentou.
 
É muito comum também que as crianças tenham mais infecções no ouvido do que os adultos, porque a tuba auditiva ainda não está totalmente desenvolvida, o que facilita o acúmulo de secreção, como mostrou a pediatra.
 
Uma das mais recorrentes é a otite, uma inflamação que causa muita dor e uma sensação de pressão no ouvido. Nesse caso, a criança pode ter dificuldade para escutar e, por isso, os pais precisam ficar atentos. Em algumas situações, pode ser até que seja preciso fazer uma pequena cirurgia.
 
É importante ressaltar ainda que os pais devem monitorar o uso de fones de ouvidos e deixar o volume sempre pela metade, para evitar danos irreversíveis à audição. Já os aparelhos eletrônicos, como computadores e celulares, por exemplo, devem ser usados pelas crianças apenas 2 horas por dia. No caso do celular, a otorrinolaringologista Tanit Sanchez alerta que pode existir um risco de dano à audição, não pelo som do aparelho, mas pela radiação emitida por ele.
 
Essa radiação, emitida enquanto o aparelho está ligado e com sinal, pode afetar a parte interna do ouvido, principalmente em pessoas que têm maior sensibilidade nos ouvidos. No entanto, a associação responsável pelos aparelhos móveis explica que todos os celulares são testados e emitem uma radiação dentro do nível de segurança recomendado pela OMS. Há uma recomendação, porém, de utilizar apenas produtos originais e testados, e evitar a compra de aparelhos falsos, que podem oferecer riscos.
 
Fonte: g1.com
 

Quatro alimentos que parecem light, mas não são

Alguns quitutes são feitos com frutas e vegetais, mas escondem na receita ingredientes como açúcar e gordura, além de calorias extras.

Alimentos saudáveis para crianças de 1 a 3 anos

A alimentação é uma das chaves para a saúde dos pequenos. Oferecer os melhores alimentos os ajudará a crescer e se desenvolver de maneira saudável. Descubra algumas recomendações.

Tricotar: considerado um dos hábitos mais relaxantes

Se você quiser se desconectar dos problemas e esquecer as preocupações por um tempo, tricote, e verá que é um dos hábitos mais relaxantes.

assine nosso
informativo

Agência Interagir